Como montar uma creche: tire sua ideia do papel agora! | 4 Mãos

Empreendedores

Como montar uma creche: tire sua ideia do papel agora!

Victor Pacheco

|

12/02/2021

|

14 min de leitura

|

Voltar

Criança sendo atendida em um espaço de uma pessoa que concluiu o processo de como montar uma creche
14 min de leitura

Procurando como montar uma creche? Sendo um dos nichos que mais geram empregos devido aos pais precisarem trabalhar fora de casa, é essencial que você tome diversos cuidados ao executar este processo. Mas se tudo for feito da forma correta, o processo de como abrir uma empresa pode ser facilmente concluído.

E já que está nesta página, você irá encontrar todas as respostas que precisa para saber como montar uma creche particular ou afiliada do Governo do Estado onde você mora.

Importante dizer que o espaço onde receberá as crianças é uma das primeiras ações, mas antes disso é essencial cuidar do planejamento para não ter problemas ao tirar sua ideia do papel. Boa leitura!

1. Comece sua ideia de empreendimento pensando em como resolver um problema

Com cada vez mais profissões sendo criadas com o passar do tempo, também acabou surgindo a necessidade de que as pessoas que possuem filhos precisarem contratar profissionais para cuidar de seus amados pequenos. E caso você esteja pensando em como abrir uma creche, saiba que sua ideia de negócio precisa então, primeiramente, resolver um problema pelo qual as pessoas de sua região estão passando.

Existem casos de muitos pais e mães estarem precisando deixar seus filhos e filhas em um local especializado, mas se não há uma creche na região, acabam optando por contratar pessoas não especializadas. Também pode acontecer de existir um local que cuida de crianças no seu bairro ou cidade, mas a desatenção pode ter deixado os pais inseguros.

De todas as formas, investigue um possível problema e passe a ser a solução disso para ser a opção das pessoas que moram e/ou frequentam a região! Como você pode imaginar, todas as pessoas que executam o processo de como montar uma creche particular) ou conveniada com a prefeitura) precisa gostar de crianças. Mas só isso não basta! É necessário ter espírito de proteção e atenção redobrada para que problemas sejam evitados.

Com e a primeira etapa do processo de como montar uma creche resolvida, você precisa então decidir as idades que irá atender.

Você receberá crianças de até qual idade em sua creche?

Para entender o que precisa para abrir uma creche, você precisa antes disso, escolher a idade das crianças que virá a atender. Muitas pessoas imaginam que as crianças possuem as mesmas necessidades, mas basta uma simples pesquisa com profissionais da área para entender que isso não é verdade. Se estiver pensando em como montar uma creche recreação infantil e pré-escola, as idades podem variar.

Como empreendedor que está procurando como montar uma creche, é necessário saber que crianças recém-nascidas não possuem as mesmas necessidades daquelas que possuem 3 anos de idade. A região onde você mora ou está pensando em abrir um negócio pode ser um bom indicador para saber a idade das crianças que irá atender. Com isso em mente, fica mais fácil entender os produtos, espaços e o que precisa para abrir uma creche.

2. Validação da ideia no processo de como abrir uma creche

Antes mesmo de começar a atuar no mercado de educação infantil, é necessário entende se os pais realmente viriam a matricular seus filhos em seu empreendimento. E uma forma de fazer isso é realizando a validação da ideia, onde por meio de uma pesquisa (que pode ser feita de modo virtual), você fala mais sobre sua ideia e as pessoas respondem sobre isso.

Aqui, por mais que o empreendimento ainda não esteja aberto, é importante citar todos os pontos positivos de sua creche e tentar ser o mais convincente possível, haja vista que uma não aceitação pode acabar em correção de sua ideia de como montar uma creche.

Lembra dos problemas que você vai vir a resolver ao abrir um empreendimento como este? Aqui é hora de realmente saber se estas “dores” realmente existem claro, saber se sua proposta de solução é válida. Jamais deixe a validação de negócio de lado. Isso pode ajudar a evitar erros e ainda lhe ajudar a aprimorar sua ideia antes mesmo dela ser lançada no mercado.

3. Entenda sua concorrência antes mesmo de tirar sua ideia do papel

A menos que atue em um local que ainda não possui creches, você precisa entender o que fazer para se tornar a opção dos pais e mães da região. É essencial realizar um mapeamento, concorrentes diretos e indiretos para ter uma visão amplificada. Dessa forma, além de saber quais são as creches que podem fazer com que seus lucros diminuam, também consegue entender quais são as campanhas de marketing (falaremos mais sobre isso nos próximos parágrafos) que os concorrentes estão realizando.

Lembra dos problemas dos profissionais da área que podem se tornar um ponto positivo em seu negócio? Aqui é hora de saber mais sobre isso e claro, o que você pode fazer para chamar atenção de pais e mães que estão insatisfeitos.

4. Formalize sua proposta de valor para concluir o processo de como montar uma creche recreação infantil e pré-escola

Com tudo organizado para que sua creche tenha o maior sucesso possível, é hora então de definir os pontos que ela irá agregar no dia a dia dos pais das crianças. Basicamente, assim podemos definir o que é uma proposta de valor. E colocando no campo de educação, estes são exemplos para quem está executando o processo de como montar uma creche:

  • Optar por ter horários integrais, onde os pais podem passar o dia todo fora de casa;
  • Ter um plano de ensino adequado para a idade das crianças que optou por atender;
  • Investir em inovação tecnológica no ensino de nossos amados pequenos.

Muitas são as possibilidades e isso vai depender mais da pessoa que está pensando em abrir a creche. Caso tenha dúvidas ou dificuldades na hora de definição de sua proposta de valor, não deixe de se inspirar em grandes casos de sucesso do mercado.

5. Organize uma força tarefa para conseguir começar a trabalhar

Optar por empreender no ramo de educação, ainda mais se você estiver em pensando em como abrir uma creche particular, pode exigir um certo investimento. Isso porque é necessário cuidar dos itens para que as crianças possam comer, usar o banheiro, descansar e claro, brincar! Não se esqueça do bem estar dos funcionários, onde você também precisará de uma área para que eles possam guardar os pertences pessoais. Também é essencial investir em brinquedos, livros e demais itens para que o dia a dia seja o mais tranquilo e lúdico possível. Itens de proteção jamais devem ser deixados de lado.

O seu quadro de funcionários é um ponto que você deve se atentar, e assim como o dono do local, é necessário que estas pessoas possuam afeição com crianças e claro, entendam do assunto educação infantil. Lembre-se que estas pessoas serão o verdadeiro reflexo de sua empresa, então tenha cuidado ao realizar a contratação.

Além de profissionais da área, você também pode vir a optar por contratar nutricionistas para cuidar da alimentação das crianças, assim como seguranças, secretárias e demais pessoas que sua creche ofereça o melhor serviço possível.

6. Quase tudo pronto para que sua creche passe a funcionar? Não se esqueça do plano de marketing

Como vai ser uma certa novidade na região, você precisa pensar em ideias para chamar atenção dos pais e mães. Além da internet ser um ótimo ambiente para impactar pessoas devido à segmentação ser possível (onde você pode escolher a região e até mesmo o tipo de público que será impactado por sua publicidade), é ideal ter condições que ultrapassam a internet. Panfletos são muito bem vindos, assim como um sistema de indicações que gera benefícios são ideias que você pode pensar em colocar em prática.

Sua proposta de valor não só pode, como deve ser usada no plano de marketing. Afinal, por qual motivo você não iria divulgar seus diferenciais? Neste momento, aproveite para definir os canas onde irá atuar, assim como escolha um valor para usar em mídia paga. É essencial ter um bom slogan para chamar atenção já no primeiro momento.

Não descuide de assuntos legais

Essencial para quem está abrindo empresa, independentemente do ramo, os assuntos legais envolvem uma série de processos burocráticos, mas entenda que você jamais deve deixar isso de lado. Além de conseguir um CNPJ para sua empresa, você também precisa escolher um regime tributário para todos os devidos impostos sejam definidos. O porte de sua empresa, que está diretamente conectado com número máximo de colaboradores e faturamento anual, também é definido nesta etapa.

Para quem está pensando em como abrir uma creche, é essencial ter autorização da Secretaria de Educação de sua cidade ou Estado. O plano de ensino e demais detalhes que dizem a respeito sobre a forma como as crianças serão atendidas serão postos à prova neste momento.

Também é necessário ter um alvará de funcionamento para o local, assim como receber autorização do Corpo de Bombeiros para que sua creche seja aberta. Aqui também há burocracia, mas entenda que tudo está sendo feito pelo bem de seus futuros alunos.

Se precisar de ajuda em assuntos legais, a melhor coisa que você pode fazer é contratar os serviços de um escritório de contabilidade. Enquanto todos os documentos e licenças são emitidos, você pode se dedicar a outros assuntos, ganhando assim, mais produtividade.

7. Planejamento orçamentário para quem está procurando como montar uma creche recreação infantil e pré-escola

Como você percebeu, a preparação é a palavra-chave para quem deseja abrir uma empresa. E com todos os assuntos resolvidos, você precisa cuidar do planejamento orçamentário. O nome pode parecer muito completo, mas entenda que isso é nada mais do que realizar a definição de alguns assuntos e organizar demandas pertinentes.

A primeira delas é a precificação. Ao colocar todos os gastos mensais “na caneta”, é importante definir uma margem de lucro para que assim tenha o valor cobrado mensalmente por cada aluno que será atendido em sua creche. Lembre-se que por mais que os valores cobrados já estejam com a porcentagem de lucro aplicada, seu negócio virá a dar lucro apenas quando o valor investido for recuperado.

Também é importante entender todos os impostos que você precisará pagar como dono de empresa, assim como se organizar para ter um ótimo fluxo de caixa. Isso é essencial para que com o passar do tempo, você não perca o controle de todos os gastos e passe a ter mais contas a pagar do que lucro. Por via das dúvidas, sempre tenha um contador para lhe dar apoio neste assunto!

8. Realize testes com seu empreendimento antes de começar com força total

Muitos empreendedores acabam atuando de forma agressiva já nos primeiros meses para que os investimentos sejam recuperados no mínimo tempo possível. Isso é um erro! Por mais que todas as pesquisas tenham sido realizadas, você precisa entender se na prática, está realizando o melhor serviço. É importante lançar um MVP (Minimum Viable Product, ou Produto Viável Mínimo).

Um MVP é o lançamento de sua empresa, mas isso com uma atuação menor. Colocando isso no processo de como montar uma creche, você pode passar atendendo apenas uma turma de crianças e com poucos funcionários. Com isso consegue entender se sua ideia de negócio está pronta para ser escalável e claro, se pode começar a trabalhar com força total. Encontrou algum problema? Não precisa se preocupar, pois ainda há tempo de tudo ser corrigido antes de você ter várias turmas em sua creche.

9. Trabalhe com datas e metas de crescimento

Com todos os detalhes definidos para que seu empreendimento finalmente seja aberto, é hora de definir datas para que tudo passe a funcionar como planejado. Além de escolher um dia para abrir sua creche, coloque metas no papel. Isso é essencial para que seu negócio não deixe de crescer e claro, sempre ficar no caminho do sucesso.

Muitos empreendedores possuem o aumento do número de colaboradores como uma das principais metas, mas lembre-se que não existe uma “receita de bolo” neste assunto. A única regra que você deve levar em conta é que todos os objetivos devem ser de acordo com a realidade de seu empreendimento.

Como montar uma creche conveniada com a Prefeitura?

Para conseguir ser um parceiro da prefeitura de sua cidade e receber ajuda financeira do Governo, são necessárias diversas ações. Isso porque além de estar legalizado perante à Receita Federal, seu empreendimento também precisa se adequar às exigências da Prefeitura e Secretaria da Educação (feita por meio da Diretoria Regional de Educação) para se tornar um CEI (Centro de Educação Infantil).

Cada cidade pode ter diversas especificidades, mas saiba que como um padrão, você precisa oferecer um local seguro e que não irá causar problemas para as crianças. Também será necessário colocar seu projeto pedagógico à prova para os devidos órgãos públicos. Comprovantes de pagamento de impostos e o cadastro da Vigilância também são necessários.

Além disso, é necessário ser aprovado em uma vistoria feita por supervisores escolares. Isso é feito para saber se na prática, você pode abrir sua creche sem que a segurança seja deixada de lado. Infraestrutura, segurança, higiene (principalmente em um cenário pós-pandemia) e até mesmo os funcionários serão avaliados para que então, caso tudo esteja dentro dos conformes, você conclua o processo de como montar uma creche conveniada com a Prefeitura.

Se for reprovada em algum ponto, a pessoa que é responsável por cuidar do processo de como montar uma creche conveniada com a Prefeitura tem um tempo para corrigir tudo o que foi apontado e uma segunda vistoria então acontece. Para não ter erros, sempre confira todas as exigências e adapte seu modelo negócio antes mesmo de começar o processo de como montar uma creche conveniada com a Prefeitura. Extintores, áreas de recreação, corrimão em escadas, piso adequado, mobiliário, são apenas um dos pedidos dos órgãos de sua região, então atente-se a isso!

Entendeu como montar uma creche? Entre em contato com a Plataforma 4 Mãos para conseguir encontrar um ótimo escritório de contabilidade!

Criada com o propósito de conectar dois polos que precisam de um ao outro, a 4 Mãos está ajudando diversos empreendedores a terem cada vez menos problemas contábeis, onde já possibilitamos diversos acordos entre empresários e contadores.

Nossos escritórios parceiros possuem aptidão para lhe ajudar a como abrir uma empresa, onde sua única tarefa será realizar o envio das informações para o contador. Não entendeu como essa conexão é feita? Veja:

  1. O empreendedor entra em contato com nosso time de atendimento e informa sua necessidade, podendo ser ela a troca de MEI para ME, legalização de empresas ou até mesmo a troca de contador. Sem pagar nada por isso;
  2. Em seguida, cadastramos essa demanda em nossa plataforma, onde os escritórios parceiros da 4 Mãos entram em contato com o solicitante e enviam até 4 orçamentos sobre a demanda;
  3. Recebendo a devolutiva sobre o serviço contábil que solicitou, o empreendedor escolhe a melhor opção para sua empresa e em seguida fecha o acordo. A 4 Mãos não interfere ou cobra nenhum valor adicional sobre isso.

Logo após isso ser feito, o empresário consegue resolver seu problema contábil e ainda o contador a conquistar clientes. Entendeu como é simples, rápido e ainda por cima, gratuito. Você tem algum serviço envolvendo contabilidade que precisa de ajuda profissional para ser solucionado? Entre em contato conosco e descubra como podemos ajudá-lo!

Gostou do conteúdo acima? Não deixe de ativar as notificações para não perder nenhum novo artigo, podemos lhe ajudar em diversos assuntos! E diga nos comentários: como será seu empreendimento?

Escrito por

Victor Pacheco

Redator da Plataforma 4 Mãos, formado em Jornalismo com amplo conhecimento em produção de conteúdo para a Web.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

NÓS ENCONTRAMOS OS CONTADORES MAIS ADEQUADOS DE ACORDO COM SUA NECESSIDADE

Para trocar de contador ou abrir empresa, basta relatar sua necessidade e nós te conectamos com até 4 orçamentos gratuitamente

Encontrar um contador
Open chat