Quais sistemas do governo te ajudam a vender cada vez mais?

Dependendo da sua profissão, dominar alguns softwares e sistemas pode ser fundamental. Com relação aos contadores, podemos destacar o Microsoft Excel como uma ferramenta que precisa ser dominada, além dos sistemas do Governo. 

Muitas informações fundamentais para o trabalho de um contador são fornecidas ou enviadas por sistemas de prefeituras, estados ou até mesmo do Governo Federal. Por isso, conhecê-los é necessário para desempenhar bem as suas funções. 

É importante esclarecer que o contador não é obrigado a dominá-las, mas deve conhecê-las, pois ele será consultado pelos seus clientes em caso de dúvidas.

Se você quer entender melhor esse assunto, recomendamos a leitura atenta deste artigo. Vamos lá?

Sistemas de Governo: eSocial

Comecemos por um sistema novo, implantado em 2018. O eSocial é uma ferramenta moderna que reuniu outros 15 sistemas em um único procedimento de trabalho. 

Informações relacionadas à folha de pagamento, laudos médicos, contratações, demissões, entre muitas outras, são enviadas pelo eSocial. Por isso, é fundamental que o contador domine esse software. 

Em muitos casos, as empresas estão contratando escritórios de contabilidade para treinarem seus profissionais de RH ou auxiliarem suas equipes no recadastramento de colaboradores.

Sistemas de Notas Fiscais

Cada município tem o seu sistema de emissão de Notas Fiscais Eletrônicas (Nfe). É comum que as pessoas que estejam dando seus primeiros passos no empreendedorismo, como os Microempreendedores Individuais (MEI) recorram aos contadores para que eles os ajudem. 

Essa pode ser uma excelente oportunidade para iniciar uma parceria de longo prazo, uma vez que esses clientes precisarão de serviços contábeis no dia a dia de sua empresa. 

Por isso, verifique o funcionamento do sistema de notas do seu município, entendendo quais são as dúvidas mais comuns. Caso você não queira atender esse tipo de solicitação, tenha em mãos os telefones ou links úteis para fornecer ao cliente. 

DIRPF

A entrega do Imposto de Renda (IR) costuma gerar muitas dúvidas para as pessoas — e muitas oportunidades para os contadores. Normalmente, essa obrigação fiscal é o primeiro contato de uma Pessoa Física (PF) com um escritório de contabilidade. 

É verdade que o próprio cidadão pode fazer a sua declaração, mas é comum que eles recorram a um contador para poder verificar os detalhes do que deve ser informado, além de tirar dúvidas a respeito da Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (DIRPF), um dos sistemas de governos mais importantes na contabilidade. 

Como vimos, é recomendado que o contador conheça os principais sistemas de governo usados no dia a dia da contabilidade, independentemente se ele atua atendendo pessoas ou empresas. 

Demonstrar conhecimento sobre essas ferramentas e, em alguns casos, ser solicito sobre as dúvidas dos seus clientes pode fortalecer a imagem do seu escritório e ajudá-lo a fechar mais negócios. 

Você sabia que a 4 Mãos é uma ferramenta poderosa para conseguir mais clientes? Descubra agora as vantagens de usar esse sistema visitando nosso site! Não deixe de acessar nossa página do Facebook para receber todas as novidades.

Últimos posts

17/07/2019 - 11hs

5 trâmites para abrir um negócio que você precisa cumprir!

Do instante em que a pessoa tem uma ideia de negócio até o momento...

16/07/2019 - 11hs

Por que você deve ter um contador ao tirar um negócio do papel?

Muita gente ainda acredita que para ter um negócio de sucesso basta ter uma...

15/07/2019 - 11hs

Regularização: como o seu negócio pode ficar dentro da legalidade?

A informalidade no ambiente de negócios brasileiro ainda é uma realidade. De um lado,...

Somos associados a:

Somos certificados pelo: